Viva Marilia | Viva Marília é a simplicidade através de conteúdos que façam a diferença na vida daqueles que dedicam seu precioso tempo para nos ler.

'Alemão de Cumbica' é internado após pousar em aeroporto da Alemanha

Data: / 245 views
'Alemão de Cumbica' é internado após pousar em aeroporto da Alemanha

Stephan Brode foi deportado no domingo e começou a gritar ao desembarcar no Aeroporto de Frankfurt. Ele morou três meses no aeroporto de Guarulhos e agredia passageiros.

 
Jornal alemão Bild escreve que 'Provocador do aeroporto é internado na psiquiatria' e coloca foto de Stephan Brode tentando agredir um passageiro no Aeroporto de Guarulhos (Foto: Reprodução/Bild)

Jornal alemão Bild escreve que 'Provocador do aeroporto é internado na psiquiatria' e coloca foto de Stephan Brode tentando agredir um passageiro no Aeroporto de Guarulhos (Foto: Reprodução/Bild)

Brode foi deportado do Brasil no domingo (26) após ter o visto vencido. Ele embarcou acompanhado por policiais alemães. Durante o tempo em que ficou em Cumbica, foi visto agredindo mulheres e revirando o lixo em busca de comida.

Quando chegou ao Aeroporto de Frankfurt, nesta segunda-feira, Stephan começou a gritar e acabou sendo internado na área de psiquiatria do Hospital Universitário de Frankfurt, segundo informou a polícia aos jornais "Bild", "Frankfurter Allgemeine" e "Süddeutsche Zeitung'.

Deportado

Desde que chegou ao aeroporto, vindo do Marrocos, o alemão foi registrado pelas câmeras de segurança do aeroporto agredindo passageiros e funcionários do terminal. A polícia disse que ninguém registrou boletim de ocorrência e, por isso, ele não foi preso.

"Não sou boxeador", chegou a dizer Brode à TV Globo sobre suas tentativas de bater nas pessoas.

Após o prazo de permanência de Brode expirar, a Justiça determinou sua prisão para deportação na sexta-feira (24). Ele foi levado, algemado, para uma sala da Polícia Federal, onde aguardou até este domingo.

O Consulado da Alemanha conseguiu entrar em contato com parentes do turista no país. Eles disseram que Brode sofre de esquizofrenia e, provavelmente, não está tomando os remédios para controlar a doença. Isso explicaria os surtos repentinos que ele tem.

O Consulado pagou as despesas da viagem para a Alemanha e disse que a família de Brode iria ressarcir os gastos.

- G1 São Paulo

 

- Comente, Compartilhe e Interaja em sua rede social.

Veja Também: Artigos Relacionados