Viva Marilia | Viva Marília é a simplicidade através de conteúdos que façam a diferença na vida daqueles que dedicam seu precioso tempo para nos ler.

Após ser mantida refém, mulher é libertada em estação do Metrô na Zona Sul de São Paulo

Data: / 122 views
Após ser mantida refém, mulher é libertada em estação do Metrô na Zona Sul de São Paulo

A ocorrência na estação da Linha 5-Lilás, em Santo Amaro, durou cerca de duas horas. O suspeito usou uma faca para ameaçar a vítima. Ao libertar a refém, os policiais deram um tiro de bala de borracha no peito do homem e usaram uma arma de choque para imobilizá-lo.

Foto: Em SP, mulher que era mantida refém no metrô Adolfo Pinheiro é liberada

 

A mulher mantida refém por um homem nesta terça-feira (8) na estação Adolfo Pinheiro do Metrô, na Zona Sul de São Paulo, foi libertada após cerca de duas horas de negociações conduzidas pelo Grupo de Ações Táticas Especiais (Gate) da Polícia Militar de São Paulo.

Segundo a polícia, o homem que mantinha a refém sofre de esquizofrenia e, de acordo com familiares, não tinha tomado o remédio nesta terça. Os policiais afirmaram que ele disse coisas desconexas durante a negociação e se recusava a soltar a moça.

Negociadores do Gate libertam mulher mantida refém em estação do Metrô em SP
Negociadores do Gate libertam mulher mantida refém em estação do Metrô em SP

Para conseguir libertar a mulher, os policiais deram um tiro de bala de borracha no lado direito do peito do homem e usaram uma arma de choque para imobilizá-lo, segundo a PM.

 

Após a libertação, a mulher foi levada para a UPA Santo Amaro para a realização de exames médicos. Segundo os bombeiros, ela apresentava quadro de crise nervosa. O agressor foi preso e encaminhado pela polícia ao 11º DP de Santo Amaro.

Sequestro com refém na estação Adolfo Pinheiro da linha 5-lilás, em São Paulo (SP), nesta terça-feira (8) — Foto: Willian Moreira/Futura Press/Estadão Conteúdo

Sequestro com refém na estação Adolfo Pinheiro da linha 5-lilás, em São Paulo (SP), nesta terça-feira (8) — Foto: Willian Moreira/Futura Press/Estadão Conteúdo

Segundo a PM, a ocorrência começou por volta das 16h, quando os homens do Gate foram acionados para negociar a libertação da vítima, que era mantida sob a mira do homem com uma faca.

Por causa da ocorrência, a estação Adolfo Pinheiro foi fechada pela polícia, mas a Linha 5-Lilás continuou operando normalmente, sem prejuízo para os usuários, segundo o Metrô. A estação foi reaberta.

Polícia fecha estação Adolfo Pinheiro do Metrô, em São Paulo, durante ocorrência envolvendo uma vítima nesta terça-feira (8). — Foto: Abrahão Cruz/TV Globo

Polícia fecha estação Adolfo Pinheiro do Metrô, em São Paulo, durante ocorrência envolvendo uma vítima nesta terça-feira (8). — Foto: Abrahão Cruz/TV Globo

 
Gate atende ocorrência com refém na estação Adolfo Pinheiro do Metrô — Foto: Abrahão Cruz/TV Globo

Gate atende ocorrência com refém na estação Adolfo Pinheiro do Metrô — Foto: Abrahão Cruz/TV Globo

- Por G1 SP — São Paulo -  

- Comente, Compartilhe e Interaja em sua rede social.

Veja Também: Artigos Relacionados