Viva Marilia | Viva Marília é a simplicidade através de conteúdos que façam a diferença na vida daqueles que dedicam seu precioso tempo para nos ler.

Calor derrete forro de prédio vizinho de loja destruída por incêndio em Marília

Data: / 2029 views
Calor derrete forro de prédio vizinho de loja destruída por incêndio em Marília

Bombeiros trabalharam durante quatro horas e gastaram 47 mil litros de água. Ninguém ficou ferido.

 

Durante quatro horas, os bombeiros trabalharam para controlar as chamas em uma loja de imóveis no centro de Marília (SP) na noite de quarta-feira (12). Os sete funcionários que trabalham na loja tinham saído há aproximadamente 30 minutos do local, quando o fogo começou. Ninguém se feriu.

Foram gastos 47 mil litros de água. A preocupação era que o fogo atingisse uma loja de brinquedo, vizinha. “O trabalho dos bombeiros era para não deixar que o fogo se propagasse para as lojas do lado, que tem bastante material combustível. Então foi concentrado na edificação para que não se alastrasse e houve êxito. O fogo ficou contido apenas na loja em que se iniciou o incêndio”, explica o capitão do Corpo de Bombeiros de Marília Alexandre Melo.

Uma loja de brinquedos ao lado não foi atingida, mas o calor derreteu o forro de uma loja de móveis vizinha. “Caiu uma grande parte dele, agora a gente vai verificar a estrutura e o telhado para ver se não afetou, mas dos males o menor, graças a Deus. Os bombeiros trabalharam muito, se não fossem eles, o fogo tinha pego no quarteirão todo”, diz o comerciante Fernando Cardoso. Segundo a perícia, a estrutura não foi afetada e a loja abriu normalmente nesta quinta-feira (13).

Calor derreteu forro de loja vizinha ao incêndio em Marília (Foto: Reprodução/TV TEM)Calor derreteu forro de loja vizinha ao incêndio em Marília (Foto: Reprodução/TV TEM)

A altura das chamas assustou os moradores. “Nós ouvimos um barulho de estouro e depois começou a sair fumaça. Começou a vir um calor muito quente e precisamos tirar todo mundo de dentro, ir para a rua porque era meio assustador”,comenta a comerciante Leandra Campos Soto que tem um estabelecimento próximo a loja de móveis.

A Polícia Civil foi acionada e vai investigar as causas do incêndio. O laudo deve sair em 30 dias. Os bombeiros informaram que prédio não corre risco de desabar, mas a calçada está interditada por precaução.

Chamas chamaram atenção de moradores em Marília (Foto: Reprodução/TV TEM)

Chamas chamaram atenção de moradores em Marília (Foto: Reprodução/TV TEM)

 

- Comente, Compartilhe e Interaja em sua rede social.

Veja Também: Artigos Relacionados