Viva Marilia | Viva Marília é a simplicidade através de conteúdos que façam a diferença na vida daqueles que dedicam seu precioso tempo para nos ler.

Dançarino mariliense ganha bolsa para estudar em escola nos Estados Unidos

Data: / 270 views
Dançarino mariliense ganha bolsa para estudar em escola nos Estados Unidos

Aurélio Sanches, de 14 anos, faz sapateado desde pequeno e se destacou em uma aula com a professora americana Chloe Arnald. Agora, ele se prepara para passar dez dias em Washington

Aurélio Sanches é apaixonado por sapateado desde criança — Foto: Arquivo Pessoal

 

O sapateado sempre foi uma paixão na vida de Aurélio Sanches, de 14 anos. Desde pequeno, o garoto faz aulas com a mãe, Valéria Sanches, em Marília (SP).

Mas o talento do adolescente é tanto que ele chamou a atenção da professora americana Chloe Arnald durante um curso no Rio de Janeiro, no início de 2018.

A professora se encantou com a dança de Aurélio e ofereceu uma bolsa para ele estudar durante dez dias em Washington, nos Estados Unidos.

 
Aurélio e a professora Chloe, que lhe concedeu a bolsa para estudar em Washington — Foto: Arquivo PessoalAurélio e a professora Chloe, que lhe concedeu a bolsa para estudar em Washington — Foto: Arquivo Pessoal
 

Em entrevista ao G1, a mãe do dançarino contou que, por muito pouco, o filho não conseguiu participar da aula com Chloe.

 

"Em janeiro deste ano fomos ao Rio de Janeiro onde ele participou de um festival de sapateado com mais de 50 professores, nacionais e internacionais. Mas tinha uma aula em especial que ele queria muito fazer, só que eu não tinha dinheiro... Custava muito caro", conta.

 

Valéria explicou a situação para o filho e disse que, caso pegassem todo o dinheiro que restava, sobraria muito pouco, o suficiente apenas para a alimentação. "Disse pra ele: você não vai mais poder tomar sorvete depois das aulas. E foi então que ele me surpreendeu e disse: não ligo de não tomar sorvete, eu quero estudar", lembra.

 
Aurélio Sanches e a mãe, Valéria, no festival Tap in Rio — Foto: Arquivo PessoalAurélio Sanches e a mãe, Valéria, no festival Tap in Rio — Foto: Arquivo Pessoal
 

E todo o esforço foi recompensado. A professora ficou tão admirada com o talento do jovem Aurélio que, depois da aula, chamou ele e a mãe para conversar.

"Ela disse que tinha gostado do Aurélio e que tinha escolhido ele para ganhar a bolsa. Na hora, eu não conseguia parar de chorar", conta Valéria. A viagem será só no ano que vem, mas Aurélio conta os dias para realizar o sonho.

 

“Estou muito feliz com essa notícia e muito ansioso. Chego da escola, almoço e já vou dançar. Quero ser professor de sapateado e lá nos Estados Unidos existem mais homens nesse ramo", conta Aurélio.

 

'Dançava já na barriga'

 Desde pequeno, Aurélio já possui amor pela arte do sapateado. A mãe conta que o garoto "sapateia desde que estava na barriga".

 
Aurélio dançando quando ainda era criança — Foto: Arquivo PessoalAurélio dançando quando ainda era criança — Foto: Arquivo Pessoal

 

"Ele nasceu dançando, praticamente. Porque eu sapateei durante os nove meses de gravidez", conta.

 

Aos três anos de idade, Aurélio ganhou seu primeiro sapato de sapateado. Valéria, que é professora de sapateado, ficou receosa de ensiná-lo tão cedo.

 
Dançarino mariliense ganha bolsa para estudar em escola de Washington: 'Muito ansioso'Dançarino mariliense ganha bolsa para estudar em escola de Washington: 'Muito ansioso'
 

"Fiquei com receio de estar impondo algo, mas todos os meus amigos me falaram 'deixa ele brincar e, quando você perceber que ele ta pronto pra receber a técnica, você vai passando'... E foi isso que eu fiz", explica.

Com 5 anos, o garoto começou a fazer aulas e, daí pra frente, foi só alegria. O dom apareceu e Aurélio começou a melhorar cada vez mais. E em março do ano que vem ele vai poder mostrar todo o seu talento fora do Brasil.

- Por G1 Bauru e Marília - Por Júlia Martins* -  

*Colaborou sob a supervisão de Mayara Corrêa

 
- Comente, Compartilhe e Interaja em sua rede social.

Veja Também: Artigos Relacionados