Viva Marilia | Viva Marília é a simplicidade através de conteúdos que façam a diferença na vida daqueles que dedicam seu precioso tempo para nos ler.

Doze passeios incríveis no litoral paulista

Data: / 98 views
Doze passeios incríveis no litoral paulista

De rapel a mergulho, uma seleção de atividades para curtir as férias de verão em meio à natureza

O litoral paulista deve receber mais de 2,3 milhões de turistas em janeiro, grande parte deles vinda da capital. A maioria dos viajantes desce a serra para aproveitar algumas das cerca de 300 praias dali, distribuídas por 622 quilômetros de orla. Além de descansar ao sol com o pé na areia, é possível desfrutar refúgios naturais nos arredores, ideais para ser explorados no verão.

Passeios a pé ou de barco por cachoeiras, ilhas, rios e trilhas e atividades como rapel fazem a cabeça dos aventureiros. Se a ideia é se divertir com a família toda, uma dica: cheque o nível de dificuldade de cada roteiro. Para os mais dispostos, por exemplo, o Pico do Baepi, em Ilhabela, garante uma subida de 3,5 quilômetros pelo Parque Estadual, acompanhada de uma bela paisagem. Há também opções perfeitas para levar a criançada, como a excursão à Ilha das Couves, em Ubatuba, que inclui mergulho com snorkel para admirar peixinhos e parada em um mirante.

Confira a seguir uma seleção de doze passeios sob medida para quem deseja curtir as belezas dos litorais Norte e Sul.

SÃO SEBASTIÃO

Canoa havaiana para as ilhas 

No passeio de cerca de duas horas com saídas de Juqueí, em São Sebastião, os tripulantes remam dentro de canoas havaianas em direção a ilhas que ficam a 2,5 quilômetros da praia. Os movimentos do esporte são fáceis de aprender, um instrutor acompanha o percurso e há espaço para levar crianças com segurança na aventura. No desembarque, são oferecidas frutas e máscara de mergulho para aproveitar as águas cristalinas do local. Custa 50 reais por pessoa. Mundo Outrigger, ☎ (11) 97087-3612.

Rapel em Paúba 

(Luiz Gama/Veja SP)

Em um ponto da costa entre as praias de Maresias e Paúba, os aventureiros podem contemplar a vista litorânea ao descer um trajeto de 10 metros de altura com rapel. A atividade é indicada para iniciantes no esporte. Crianças a partir de 10
anos também são bem-vindas. Para chegar ao local do rapel, é necessário fazer uma trilha leve de 800 metros. Custa 75 reais por pessoa. Maresias Tur, Avenida Francisco Loup, 500, Praia de Maresias, São Sebastião, ☎ (12) 99746-0868.

Stand-up paddle na praia

(Mazola Rimoli/Sport’S na praia)

Além de alugar o equipamento, a tenda da Sport’s na Praia oferece aulas de stand-up paddle a iniciantes. Depois de aprender os movimentos básicos do esporte e arriscar algumas remadas na companhia de um instrutor, é possível passear sozinho no mar da Barra do Una ou no vizinho Rio Cubatão. A aula de meia hora, somada ao aluguel do equipamento por mais trinta minutos, custa a partir de 150 reais, mas há desconto para famílias. Sport’s na Praia, Avenida Magno dos Passos Bettencourt, 329, Praia da Barra do Una, São Sebastião, ☎ (12) 3867-2093.

CUBATÃO 

Passeio pela Estrada Velha de Santos

Situada dentro do Parque Estadual Serra do Mar, com acesso pelas cidades de São Bernardo do Campo e Cubatão, a Estrada Caminho do Mar foi, na década de 20, a primeira rodovia pavimentada com concreto na América Latina. Fechado para veículos em 1985, o caminho conhecido como Estrada Velha de Santos se tornou destino turístico para passeios a pé duas décadas depois.

(Caiçara Expedições/Veja SP)

O percurso de 11 quilômetros e cerca de seis horas é marcado por pontos históricos (a exemplo de um posto de parada de carros desativado), pela exuberante Mata Atlântica, repleta de nascentes e cachoeiras, e por vistas panorâmicas da Baixada Santista. É possível avistar macacos, esquilos, bichos-preguiça e cobras durante o trajeto. A próxima saída rola em 14 de janeiro. Custa 120 reais por pessoa. Para crianças a partir de 7 anos e grupos de no mínimo dez integrantes. Caiçara Expedições, ☎ (13) 3466- 6905. contato@caicaraexpedicoes.com.

BERTIOGA 

Excursão na Usina de Itatinga

A histórica Vila de Itatinga e uma hidrelétrica de 1910, uma das mais antigas do país, aparecem neste roteiro de seis horas. É preciso atravessar de barca o Rio Itapanhaú e percorrer 8 quilômetros a bordo de um bonde. O charme da vila vem de suas construções simples de influência inglesa e de uma capela, além de piscinas naturais. O refresco fica por conta do banho na Cachoeira dos Três Poços. Tem vez ainda uma visita a um sítio, onde é servido um café preparado em fogão a lenha e bolo de banana. Deve-se agendar com, pelo menos, uma semana de antecedência. Custa 130 reais por pessoa. Caiçara Expedições, ☎ (13) 3316-6070. contato@caicaraexpedicoes.com.

ILHABELA

Trilha da Cachoeira da Toca

(Leo Martins/Veja SP)

Uma gruta, uma queda de 3 metros de altura e uma pedra de 50 metros de comprimento que serve de escorregador
são os principais atrativos da Cachoeira da Toca. O passeio é leve e não exige muita caminhada. A melhor opção é dirigir até o sítio e deixar o carro no local, de graça. Custa 10 reais para entrar (crianças de até 10 anos não pagam). Por 20 reais, dá para passar o dia por lá e visitar o alambique da fazenda que abriga a atração natural, com direito a degustação. Em tempo: aplique o repelente oferecido na entrada para evitar os famintos borrachudos. Estrada da Toca, 1000, Ilhabela, ☎ (12) 3896-5325.

Trilha do Pico do Baepi

A subida de 3,5 quilômetros no Parque Estadual de Ilhabela exige bom preparo físico. Lá do alto (em um ponto da caminhada se atinge 1 048 metros de altitude), o turista dá de cara com uma visão panorâmica do arquipélago e da Mata
Atlântica da região. A aventura dura cinco horas (ida e volta) e deve ser feita com guia. Para os interessados em observar animais, há a possibilidade de admirar papagaios-moleiros (regional mente ameaçados de extinção), tucanos e esquilos caxinguelês. Custa 90 reais por pessoa. Caiçara Turismo, ☎ (12) 3896-4019.

UBATUBA 

Snorkel na Ilha das Couves

(Leo Martins/Veja SP)

Ubatuba tem quase 100 quilômetros de litoral, incluindo ótimas ilhas para mergulho, várias delas bem próximas à costa. Uma das mais populares é a Ilha das Couves. No passeio da Ubatuba Tour, os visitantes fazem paradas de van na Cachoeira do Prumirim, no mirante do Puruba e na Praia de Picinguaba. Depois, seguem de barco para a ilha. Por lá, há quem prefira descansar em uma das duas praias paradisíacas, de areia branca e águas límpidas, ambas praticamente desertas. A maioria, porém, gosta de conferir a vida marinha com o snorkel. Um aviso: ali não existem locais para alimentar-se nem água potável. O roteiro dura no mínimo oito horas e custa 160 reais por pessoa. Ubatuba Tour, ☎ (12) 3842-1088.

Trilha da Cachoeira do Tombador

(Leo Martins/Veja SP)

Em frente à Praia do Ubatumirim, ao pé da serra, encontra-se o início da trilha que tem como protagonista a bela Cachoeira do
Tombador. Para chegar até lá, é preciso percorrer 7 quilômetros de van por uma estrada de terra, de onde se veem algumas lagoas. Depois, deve-se andar mais 500 metros em um percurso íngreme e difícil, pouco indicado às crianças. O esforço vale a pena quando o caminho desemboca na quedad’água de cerca de 100 metros de altura, rodeada pela Mata Atlântica e dividida em três piscinas de água gelada. Tudo só pode ser feito com o auxílio de um guia. O tour custa 120 reais por pessoa e dura cinco horas. Ubatuba Tour, ☎ (12) 3842-1088.

Observação de pássaros na Mata Atlântica

(Fábio Souza/Veja SP)

Com cerca de 80% do território coberto pela Mata Atlântica, Ubatuba exibe trilhas perfeitas para a observação de pássaros.
São centenas de espécies de ave à vista. A agência Ecotuba tem guias especializados e organiza atividades de acordo com os exemplares que se espera encontrar pelo caminho (mediante reserva antecipada). Para os pouco familiarizados com o assunto, o tour básico traz espécies coloridas e chamativas, como tiê-sangue, saíra e beija-flor. Custa a partir de 300 reais, para um casal. Ecotuba, ☎ (12) 99630-8166.

SANTOS 

Mergulho na Laje de Santos

(João Paulo Scola/Veja SP)

Para chegarem a um dos melhores pontos de mergulho do estado, os turistas, principalmente os mergulhadores profissionais, viajam cerca de 45 quilômetros de lancha em mar aberto. Em parte desse trajeto eles costumam ser agraciados com a vista de golfinhos curiosos que vez ou outra acompanham a embarcação. Por 650 reais, os visitantes mais inexperientes podem mergulhar junto de um instrutor e conferir a impressionante fauna marinha. Em janeiro, batem ponto por ali cardumes de anchovas e sardinhas, que atraem baleias-de-bryde e tartarugas. Há saídas aos sábados, domingos e feriados. Pé de Pato, Rua Japão, 391, São Vicente, ☎ (13) 99713-8871.

CANANEIA

Passeio na Ilha do Cardoso

(Aécio Cezar/Veja SP)

Trata-se de um passeio divertido próximo a Cananeia, no Litoral Sul. No trajeto de escuna até a Ilha do Cardoso, é possível dar sorte e admirar golfinhos. Ao sair da embarcação, há pelo menos duas opções de trilha a partir da Praia de Marujá: para a Cachoeira Grande e para a Piscina da Laje. A primeira custa 30 reais e exige uma caminhada de 1,6 quilômetro dentro da Mata Atlântica (ida e volta) até a queda-d’água. A segunda (20 reais), bem mais longa, tem 25 quilômetros. Nesse caso, o grupo é acompanhado por um guia e precisa usar sapatos fechados. Na parte final do passeio, o turista conhece um conjunto de piscinas naturais e tem tempo livre para banhar-se nelas. A viagem de escuna sai a partir de 40 reais por pessoa.Canystur, Avenida Luiz Wilson Barbosa, 408, Cananeia, ☎ (13) 98126-1117.

- VEJA São Paulo - Por Bárbara Öberg [Colaborou Mariana Gonzalez]

- Comente, Compartilhe e Interaja em sua rede social.

Veja Também: Artigos Relacionados