Viva Marilia | Viva Marília é a simplicidade através de conteúdos que façam a diferença na vida daqueles que dedicam seu precioso tempo para nos ler.

Jovem é vítima de arrastão a caminho do aeroporto; vítima ia para a Áustria para fugir da violência no Rio

Data: / 221 views
Jovem é vítima de arrastão a caminho do aeroporto; vítima ia para a Áustria para fugir da violência no Rio

Criminosos levaram dinheiro, celulares e os passaportes brasileiro e italiano da estudante. Família registrou o caso na delegacia do Aeroporto Tom Jobim

Uma família que estava a caminho do Aeroporto Internacional do Rio de Janeiro para embarcar uma das filhas para Viena, na Áustria, foi alvo de um arrastão em um dos acessos à Linha Vermelha, na noite desta quarta-feira (9).

Segundo a família, a filha de18 anos estava a caminho de um intercâmbio na Áustria. A temporada fora, além da oportunidade de estudar na Europa, era também para fugir da violência do Rio por um tempo. Mas, por causa do assalto, a estudante acabou perdendo o voo.

Os criminosos levaram dinheiro, celulares e os passaportes brasileiro e italiano da estudante. Eles registraram o caso na delegacia do aeroporto.

 

O ataque

 

Os pais e a filhas estavam passando por um dos acessos à Linha Vermelha, em São Cristóvão, quando os bandidos começaram o arrastão na via expressa.

“Era um carro branco, desceram três elementos. Um do meu lado com fuzil, uma granada, uma pistola, e do lado da minha mulher não vi se estava armado. E nos abordou, pediu pra descer do carro e tudo mais. Outro elemento assaltando o carro do lado e, logo em seguida, pediram pra gente sair e levaram o carro”, disse o pai da moça.

“Levaram todos os documentos nossos, todos documentos, os documentos da minha filha, que estava indo. Ela precisou suspender a viagem, não viajou. Dois passaportes, que deu muita dor de cabeça pra tirar, porque um é até estrangeiro”, afirmou.

Depois do susto, a passagem da estudante foi remarcada para daqui a um mês.

 

“Foi uma sensação, assim, de muita impotência. Não digo nem de revolta. Não tivemos tempo nem de ficar revoltados”.

 

- Por Bom Dia Rio -

- Comente, Compartilhe e Interaja em sua rede social.

Veja Também: Artigos Relacionados