Viva Marilia | Viva Marília é a simplicidade através de conteúdos que façam a diferença na vida daqueles que dedicam seu precioso tempo para nos ler.

Jovem que morreu afogado em Guarujá 'amava a praia', mas não sabia nadar, diz irmão

Data: / 320 views
Jovem que morreu afogado em Guarujá 'amava a praia', mas não sabia nadar, diz irmão

Lucas Moreti morava em Bauru (SP) e sempre ia para o litoral. Ele estava desaparecido desde sexta-feira (11) quando foi arrastado por uma corrente de retorno na Praia das Pitangueiras.

“Amava praia”, diz irmão de turista que morreu após entrar no mar de Guarujá — Foto: Arquivo pessoal

O morador de Bauru (SP) que morreu depois de entrar no mar na sexta-feira (11) na Praia das Pitangueiras, em Guarujá, ia sempre para o litoral, amava a praia, mas não sabia nadar, segundo o irmão dele, Rafael Moreti.

Lucas Moreti, de 28 anos, era o irmão do meio e, no dia do acidente, tinha ido nadar junto com o irmão mais novo, Gabriel, de 22 anos.

No entanto, Gabriel foi resgatado por um surfista que estava no local, enquanto Lucas afundou na água e desapareceu. “Ele amava praia, estava sempre lá, mas não sabia nadar”, lamenta Rafael.

 
Lucas Moreti, de Bauru, com o pai e os irmãos Gabriel e Rafael — Foto: Arquivo pessoal

Lucas Moreti, de Bauru, com o pai e os irmãos Gabriel e Rafael — Foto: Arquivo pessoal

Segundo o irmão, Lucas foi à praia aquele dia para comemorar o aniversário da namorada do Gabriel, junto com Adrian, um grande amigo. Rafael contou que eles estavam felizes de, pela primeira vez, irem para a praia juntos.

“Eles iam curtir e Lucas quis ir junto com um amigo para cuidar do mais novo. Falou: ‘mãe, eu vou pra cuidar do Ga [Gabriel, o irmão mais novo] porque ele nunca foi nessa praia e daqui a pouco a gente está aqui’”, conta Rafael.

Quando chegou no litoral, Lucas ainda fez chamada de vídeo para conversar com o irmão. “Estava todo feliz, ligou pra mim 7h e falou ‘cara, chegamos aqui, vamos dar uma nadada, daqui a pouco a gente liga de novo’”, disse.

 
Lucas foi ao Guarujá junto com o amigo Adrian, para cuidar do irmão mais novo — Foto: Arquivo pessoal

Lucas foi ao Guarujá junto com o amigo Adrian, para cuidar do irmão mais novo — Foto: Arquivo pessoal

O corpo dele foi encontrado na segunda-feira (14) e amigos e parentes se reuniram para o enterro na manhã de terça-feira (15) no Cemitério da Saudade em Bauru.

Os últimos dias foram intensos para a família de Lucas, com as buscas e a expectativa de encontrá-lo com vida. Por isso, achar o corpo deu chance para os parentes e amigos se despedirem e começarem a elaborar o luto. “Nós queríamos trazer ele para cá, ele amava o litoral, mas é de Bauru”, afirma Rafael. 

Lucas e o sobrinho, que tem o mesmo nome do tio  — Foto: Arquivo pessoalLucas e o sobrinho, que tem o mesmo nome do tio — Foto: Arquivo pessoal
 

Rafael contou que a família deles é muito unida e todo mundo está junto para se ajudar nesse momento difícil. Um exemplo que demonstra a união entre os irmãos é que o filho de Rafael recebeu o mesmo nome do tio.

Segundo Rafael, Lucas era um "menino feliz" e estava "feliz pra caramba". Ele trabalhava com caminhões, transportando encomendas, e estava junto com a namorada há dez anos. "

 

A vida de Lucas era assim: girava em torno da família, namorada e amigos", completa Rafael.

 

  - Por Júlia Nunes*, G1 Bauru e Marília -  * Colaborou sob a supervisão de Mariana Bonora.

- Comente, Compartilhe e Interaja em sua rede social.

Veja Também: Artigos Relacionados