Viva Marilia | Viva Marília é a simplicidade através de conteúdos que façam a diferença na vida daqueles que dedicam seu precioso tempo para nos ler.

Lindo de viver, filme na Netflix é belíssima lição de vida

Data: / 229 views
Lindo de viver, filme na Netflix é belíssima lição de vida

Christopher Plummer é um ator que cativa em qualquer papel. Aos 90 anos, seu charme e carisma tornam qualquer filme digno de atenção.

Em “Limites”, uma comédia dramática sobre uma família disfuncional, ele brilha como Jack, um idoso traficante expulso de seu abrigo por ser um fora-da-lei. Distante de sua filha Laura (Vera Farmiga) e de seu neto Henry (Lewis McDougall), Jack tenta se reaproximar através de um acordo: ele oferece dinheiro para a escola de artes de Henry, desde que Laura permita que ele fique temporariamente em sua casa.

Laura está relutante em aceitar o pai de volta, devido ao histórico de abandono na infância. Ela teme que Jack possa decepcioná-los novamente, especialmente Henry, que já enfrenta seus próprios desafios. Laura lida com seu trauma resgatando compulsivamente animais abandonados, criando a família que nunca teve. Henry, um adolescente sensível e excêntrico, tem um estilo de desenho peculiar, imaginando como as pessoas seriam nuas e desenhando-as assim. Suas ilustrações o tornam alvo de bullying na escola, e ele deseja transferir-se para uma escola de artes.

Jack chega à casa de Laura com 200 mil dólares em maconha escondidos no porta-malas. Ele revela o segredo a Henry, convidando-o a ser seu parceiro de crime. Laura planeja atravessar o país com Jack e Henry, parando na casa da irmã Jojo (Kristen Schaal), onde pretende deixar o pai. Durante a viagem de Seattle a Los Angeles, eles fazem várias paradas para as transações de Jack, estendendo a jornada. Henry aproveita para visitar seu pai, Leonard (Bobby Cannavale), e apesar do relacionamento conturbado entre Laura e Leonard, ela acaba se envolvendo novamente com ele, resultando em uma cena intensa onde Jack soca Leonard.

Jack não é o típico pai ou avô exemplar, mas demonstra seu amor de maneiras peculiares e engraçadas, seja através de piadas inapropriadas ou verdades dolorosas. Sua personalidade cativa Laura e Henry, que anseiam por sua presença, apesar de sua natureza inconstante. Jack cultiva essa imprevisibilidade ao longo da vida, e é inevitável que ele desapareça novamente.

“Limites”, na Netflix é uma obra sensível, divertida e graciosa. Mesmo com alguns elementos previsíveis, o filme de Shana Feste é terapêutico e encantador, sustentado por atuações memoráveis. É um filme confortante, mas que pode tocar em questões familiares não resolvidas, proporcionando momentos de reflexão.


Filme: Limites
Direção: Shana Feste
Ano: 2019
Gênero: Comédia/Drama
Nota: 10

REVISTA BULA - POR FERNANDO MACHADO EM FILMES - 

- Comente, Compartilhe e Interaja em sua rede social.

Veja Também: Artigos Relacionados