Viva Marilia | Viva Marília é a simplicidade através de conteúdos que façam a diferença na vida daqueles que dedicam seu precioso tempo para nos ler.

Moradores de Brumadinho são acordados com sirenes

Data: / 152 views
Moradores de Brumadinho são acordados com sirenes

Defesa Civil informa que alerta de evacuação foi dado a pedido da Vale devido ao risco iminente de rompimento de outra barragem

Foto - População deixa áreas após ordem de evacuação - Márcio Neves/R7

 

Passava das 5h30 deste domingo (27) quando moradores de Brumadinho (MG) foram surpreendidos por sirenes de alerta da Defesa Civil com um aviso para que deixassem suas casas e fossem para locais mais altos da cidade. 

 
A reportagem do R7 está em um hotel em Brumadinho e ao ouvir o sinal ligou para a Polícia Militar, que confirmou a ordem de evacuação.

"O senhor deve deixar o local que está e ir para um ponto de encontro. No local onde o senhor está é a Faculdade ASA. Deixe o local calmamente e vá para lá", informou o atendimento do 190 da Polícia Militar de Minas Gerais, dizendo ainda que seria um alerta feito pela Defesa Civil de Brumadinho.

A informação foi confirmada pela Vale por meio de nota. 

"A Vale informa que, por volta das 5h30 deste domingo, acionou as sirenes de alerta na região da Mina Córrego do Feijão, em Brumadinho (MG), ao detectar aumento dos níveis de água nos instrumentos que monitoram a barragem VI. Esta barragem faz parte do complexo de Brumadinho. As autoridades foram avisadas e, como medida preventiva, a comunidade da região está sendo deslocada para os pontos de encontro determinados previamente pelo Plano de Emergência. A Vale continuará monitorando a situação, juntamente com a Defesa Civil", informou a companhia.

As sirenes assustaram moradores de uma cidade onde centenas de pessoas estão desaparecidas, após o rompimento da barragem da Vale, na tarde de sexta-feira (25). Ontem, o governo confirmou 34 mortos na tragédia. 
Cidade tem manhã de apreensão após sirenes tocarem
Cidade tem manhã de apreensão após sirenes tocarem
Márcio Neves/R7
 

O empresário Felipe Salviano, 30, estava dormindo quando foi surpreendido pelo alerta.

— Era um alarme bem alto falando pra evacuar as casas e que não era uma simulação.

A aposentada ana Amélia Silva, mora perto do rio Paraopebas e desde as 5h40 deixou sua casa após ouvir a sirene e policiais militares passarem em sua rua ordenando a evacuação.

Logo após o alerta, a reportagem do R7 foi para o ponto de encontro, onde está montado o centro de buscas por desaparecidos do rompimento da barragem da última sexta-feira (25) e encontrou ao menos uma dezena de moradores que tinham dificuldades de obter informações sobre o alerta.

MINAS GERAIS - Márcio Neves, enviado do R7 a Brumadinho

- Comente, Compartilhe e Interaja em sua rede social.

Veja Também: Artigos Relacionados