Viva Marilia | Viva Marília é a simplicidade através de conteúdos que façam a diferença na vida daqueles que dedicam seu precioso tempo para nos ler.

Quais são as principais vacinas que as crianças devem tomar?

Data: / 179 views
Quais são as principais vacinas que as crianças devem tomar?

São 13 vacinas ao longo da infância

Segundo a Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais, são 13 as vacinas disponíveis na rede pública e que a criança deve tomar. “A BCG, vacina contra tuberculose e hepatite B, deve ser administrada nas primeiras 12h de vida. O Calendário Infantil compreende 13 vacinas e vai até os 12 anos de idade”, afirma Maria Nazaré Marques Moreira, Referência Técnica da Coordenadoria Estadual de Imunização da Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG).

O Calendário Nacional de Vacinação desenvolvido pelo Sistema Único de Saúde (SUS) é alterado sempre que são incluídas novas vacinas ou quando os esquemas vacinais são modificados. Para saber quais as vacinas indicadas em 2017, basta acessar o hotsite ww.saude.mg.gov.br/vacinacao

Para receber a dose, os pais devem apresentar o cartão de vacinas do filho. Mas vale reforçar que os adultos também devem ficar atentos à atualização da caderneta de imunização. “O cartão de imunização é um documento indispensável, pois é a única forma de uma pessoa provar que está vacinada, por isso, é imprescindível cuidar e zelar da caderneta”, afirma Maria Nazaré.

Confira as vacinas disponíveis na rede pública de saúde:

Hepatite A: A vacina contra Hepatite A é disponibilizada para crianças até quatro anos, 11 meses e 29 dias. Antes, a idade máxima era até dois anos. Estudos também têm demonstrado que, em cerca de 95% dos vacinados há produção de anticorpos em níveis protetores quatro semanas após a vacinação com uma dose.

Hepatite B: A vacina contra Hepatite B deve ser tomada logo após o nascimento e atualmente é ofertada para toda a população, independente de idade (caso a pessoa não tenha sido imunizada ao nascer) ou condições de vulnerabilidade.

Poliomielite: A vacina contra Poliomielite Inativada (VIP) via intramuscular deve ser aplicada em três doses: aos 2, 4 e seis meses de idade. Também são aplicados dois reforços via Vacina Poliomielite Oral – gotinha (VOP) aos 15 meses e 04 anos de idade.

Pneumocócica 10: A vacina pneumocócica 10 – valente deve ser aplicada em duas doses, aos 2 e 4 meses. Seu reforço é, referencialmente, administrado aos 12 meses, podendo ser aplicado até os 4 anos de idade.

Tetra viral (sarampo, caxumba, rubéola e varicela): A partir de 2017, houve ampliação, para as crianças, da oferta da vacina tetra viral, passando a ser administrada dos 15 meses até os quatro anos de idade. O Programa Nacional de Imunizações (PNI) recomenda a vacinação das crianças com a tríplice viral (sarampo, caxumba e rubéola) aos 12 meses de idade – primeira dose, e aos 15 meses junto com a tetra viral (segunda dose com a varicela).

Meningocócica C: A vacina contra meningite será administrada em duas doses. A primeira deve ser aplicada aos três meses de vida e a segunda, aos cinco meses. O reforço deve ser aplicado, preferencialmente, aos 12 meses de idade, podendo ser administrado até os quatro anos de idade.  

HPV: A partir desse ano a vacina contra HPV também será ofertada para meninos de 12 e 13 anos (13 anos, 11 meses e 29 dias). Desde 2014, a vacina é oferecida para meninas de 9 a 13 anos e, em 2016, também incluiu meninas de 14 anos.  Desde 2015, meninas e mulheres de 9 a 26 anos que vivem com HIV/ Aids também recebem a vacina.

portal@hojeemdia.com.br -  

- Comente, Compartilhe e Interaja em sua rede social.

Veja Também: Artigos Relacionados