Viva Marilia | Viva Marília é a simplicidade através de conteúdos que façam a diferença na vida daqueles que dedicam seu precioso tempo para nos ler.

Quatro vereadores são afastados de seus mandatos na Câmara

Data: / 366 views
Quatro vereadores são afastados de seus mandatos na Câmara

Parlamentares eleitos nas últimas eleições tiveram diplomas cassados pelo TRE acusados de fraude no registro da candidatura. Ainda cabe recurso ao TSE.

A Justiça Eleitoral de Cafelândia fará a recontagem dos votos desconsiderando todos os candidatos da coligação que foi impugnada (Foto: Reprodução/TV TEM)

 

Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-SP) determinou que os quatro vereadores de Cafelândia que tiveram os diplomas cassados por decisão proferida pelo tribunal em novembro do ano passado devem ser afastados imediatamente de seus cargos.

Entre os parlamentares citados para deixar suas cadeiras, três são do PR – Carlos Fernando Stafoge, Celso Santos e Mário Henrique Parreira Simões de Souza – e um do PTB, Luiz Carlos Fajioli. Os dois partidos disputaram as eleições de 2016 coligados.

 

A decisão do TRE volta a agitar a política de Cafelândia, cidade que precisou realizar nova eleição para prefeito este ano depois que o candidato reeleito em 2016, Luís Otávio Conceição (PSDB), teve o registro de candidatura cassado por improbidade administrativa. No dia 2 de abril deste ano, Luís Zampieri, do PTB, foi eleito prefeito.

Durante a eleição do ano passado, 20 candidatos a vereador da coligação PR-PTB tiveram os diplomas cassados por fraude no preenchimento de vagas destinadas a cada sexo. Quatro deles foram eleitos.

 

Ainda cabe recurso ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), mas o TRE entende que, mesmo se isso acontecer, os quatro vereadores devem ser afastados imediatamente. Isso porque esses recursos não poderiam receber efeito suspensivo. A Câmara Municipal já foi notificada pela Justiça Eleitoral.

A partir de agora, a Justiça Eleitoral fará a recontagem dos votos desconsiderando os 20 candidatos da coligação PR-PTB para empossar os substitutos.

A reportagem tentou contato com as defesas dos quatro vereadores, mas não recebeu retorno.

- Por G1 Bauru e Marília - 

- Comente, Compartilhe e Interaja em sua rede social.

Veja Também: Artigos Relacionados