Viva Marilia | Viva Marília é a simplicidade através de conteúdos que façam a diferença na vida daqueles que dedicam seu precioso tempo para nos ler.

Série 'O Conto da Aia' é a grande vencedora de Emmy dominado por mulheres

Data: / 198 views
Série 'O Conto da Aia' é a grande vencedora de Emmy dominado por mulheres

Críticas a Donald Trump nos discursos e aparição surpresa do ex-secretário de imprensa movimentaram a 69ª edição do evento

O Conto da Aia (The Handmaid's Tale) foi a grande vencedora do Emmy, faturando cinco prêmios na noite, incluindo melhor roteiro, melhor série dramática e melhor atriz Elizabeth Moss (foto). A série, baseada na distopia homônima de Margaret Atwood, publicada em 1985, bateu outro favorito, Westworld, nas principais categorias. A ficção científica do HBO, recriação do filme de Michael Crichton, havia sido a série mais indicada a prêmios (22), mas acabou saindo de mãos vazias nas categorias principais. 

Na categoria de minissérie ou telefilme, quem levou a melhor foi Big Little Lies, que, a exemplo de O Conto da Aia, coloca as personagens femininas como protagonistas. O mesmo ocorre com Veep, melhor série de comédia, que está para estrear sua temporada final em 2018. 

Game of Thrones, série de fantasia medieval inspirada na série As Crônicas de Gelo e Fogo, de George R. R. Martin, é a maior vencedora da história do Emmy, mas não participou da premiação esse ano porque sua 7ª temporada não foi ao ar a tempo de receber indicações.

A cerimônia de entrega do Emmy, o “Oscar da TV americana”, iniciou com o ex-secretário de imprensa da Casa Branca, Sean Spicer, interrompendo bruscamente o apresentador Stephen Colbert. Spicer, que se demitiu do cargo em julho, disse ao público que essa seria a maior audiência da história do evento. 

A afirmação faz referência à posse do presidente Donald Trump, que foi alardeada por ele, em 20 de janeiro, como a maior de todos os tempos.

 

Ann Dowd recebe o Emmy de melhor atriz coadjuvante
Ann Dowd recebe o Emmy de melhor atriz coadjuvante por seu papel em 'The Handmaid's Tale'  Foto: Mario Anzuoni/Reuters

 

Essa não seria a primeira vez que o nome do presidente norte-americano seria lembrado na 69ª edição do evento, que ocorre no Teatro Microsoft, em Los Angeles.

Alec Baldwin, vencedor do prêmio de melhor ator coadjuvante de comédia por sua imitação de Trump no tradicional programa humorístico Saturday Night Live, provocou o governante: “Aqui está seu Emmy”. 

John Lithgow, melhor ator coadjuvante de drama, foi mais moderado. Ele, que interpreta Winston Churchill na série The Crown, afirmou que seu personagem “nos lembra como o valor e a liderança no governo realmente se parecem”. 

Confira os vencedores:

Melhor ator coadjuvante de drama: John Lithgow (The Crown)

Melhor atriz coadjuvante de comédia: Kate McKinner (Saturday Night Live)

Melhor atriz coadjuvante de série ou filme: Laura Dern (Big Little Lies)

Melhor roteiro em série cômica: Donald Glover (Atlanta)

Melhor programa de esquetes e variedades: Saturday Night Live

Melhor roteiro em série dramática: Bruce Miller (The Handmaid’s Tale)

Melhor ator coadjuvante de comédia: Alec Baldwin (Saturday Night Live)

Melhor direção em minissérie ou telefilme: Jean-Marc Vallée (Big Little Lies)

Melhor ator coadjuvante em minissérie ou telefilme: Alexander Sarsgard (Big Little Lies)

Melhor atriz coadjuvante de drama: Ann Dowd (The Handmaid’s Tale)

Melhor roteiro em série cômica: Aziz Ansari e Lena Waithe (Master of None)

Melhor programa de competição: The Voice

Melhor diretor de série dramática: Reed Morano (The Handmaid’s Tale)

Melhor roteiro em minissérie ou telefilme: Charlie Brooker (Black Mirror: San Junipero)

Melhor direção de programa de esquetes ou variedades: Don Roy King (Saturday Night Live)

Melhor talk show: Last Week Tonight com John Oliver

Melhor ator de comédia: Donald Glover (Atlanta)

Melhor atriz de comédia: Julia Louis-Dreyfus (Veep)

Melhor série de comédia: Veep

Melhor ator em minissérie ou telefilme: Riz Ahmed (The Night Of)

Melhor atriz em minissérie ou telefilme: Nicole Kidman (Big Little Lies)

Melhor minissérie ou telefilme: Big Little Lies

Melhor ator em série dramática: Sterling K. Brown (This Is Us)

Melhor atriz em série dramática: Elisabeth Moss (The Handmaid's Tale)

Melhor série dramática: The Handmaid's Tale

- O Estado de S.Paulo - 

- Comente, Compartilhe e Interaja em sua rede social.

Veja Também: Artigos Relacionados