Viva Marilia | Viva Marília é a simplicidade através de conteúdos que façam a diferença na vida daqueles que dedicam seu precioso tempo para nos ler.

Temporal na região de Marília deixa milhares de moradores sem energia elétrica

Data: / 1496 views
Temporal na região de Marília deixa milhares de moradores sem energia elétrica

Em Marília, cerca de 35 mil moradores ficaram no escuro no início da noite desta quinta (18). Chuva acompanhada de ventos fortes também atingiu dezenas de cidades no Centro-Oeste Paulista.

Carros foram atingidas por árvores derrubadas pelo vento forte em Marília — Foto: Ana Carolina Levorato/TV TEM

Um forte temporal, com chuva e ventos fortes, atingiu mais de uma dezena de cidades do Centro-Oeste Paulista no final da tarde desta quinta-feira (18).

Em Marília, pelo menos 35 mil moradores ficaram sem energia elétrica, segundo informações da CPFL, a concessionária de distribuição que atende a cidade.

Os ventos fortes também causaram estragos, com a queda de várias árvores, sendo que em alguns casos carros atingidos.

Temporal na região de Marília deixa milhares de moradores sem energia elétricaTemporal na região de Marília deixa milhares de moradores sem energia elétrica
 

De acordo com informações do Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia), os ventos em Marília atingiram quase 79,8 km/h. O registro mais alto de vento forte aconteceu em Platina, com rajadas de 129 km/h.

De acordo concessionária Energisa Sul-Sudeste, chuva forte acompanhada de ventos e raios atingiu os municípios de Tupã, Bastos, Paraguaçu Paulista, Quatá, Lutécia, Assis, Cândido Mota, Tarumã, Palmital, Salto Grande e Ribeirão do Sul

Nestas cidades, o vento jogou galhos e objetos sobre a rede de energia, que causaram o rompimento de cabos com queda de energia em vários pontos destas cidades.

 
Próximo à rodoviária de Marília, nuvens pesados indicavam que temporal seria forte — Foto: Arquivo pessoalPróximo à rodoviária de Marília, nuvens pesados indicavam que temporal seria forte — Foto: Arquivo pessoal
 
Árvores não resistiu à força do vento em Cândido Mota — Foto: Arquivo pessoalÁrvores não resistiu à força do vento em Cândido Mota — Foto: Arquivo pessoal
 
Árvore caída em rua de Tarumã, uma das cidades atingidas pelos ventos fortes — Foto: Arquivo pessoalÁrvore caída em rua de Tarumã, uma das cidades atingidas pelos ventos fortes — Foto: Arquivo pessoal
 
Também em Tarumã, torre de metal também não resistiu — Foto: Arquivo pessoalTambém em Tarumã, torre de metal também não resistiu — Foto: Arquivo pessoal
 
- Por G1 Bauru e Marília -  
- Comente, Compartilhe e Interaja em sua rede social.

Veja Também: Artigos Relacionados