Viva Marilia | Viva Marília é a simplicidade através de conteúdos que façam a diferença na vida daqueles que dedicam seu precioso tempo para nos ler.

Vereador denuncia homofobia após ser comparado a personagem 'Crô' na web

Data: / 416 views
Vereador denuncia homofobia após ser comparado a personagem 'Crô' na web

Parlamentar diz que postagem foi feita após apresentação de projeto na Câmara de Garça. 'A gente quer fazer pela população, não para ser massacrado e discriminado.' Polícia irá investigar o caso.

Foto capa) Vereador foi comparado a personagem homosexual com ofensas (Foto: Reprodução/Facebook)

m vereador de Garça (SP) denunciou uma publicação homofóbica feita em uma página na rede social. Segundo a polícia, a publicação foi excluída, mas será aberto um inquérito para investigar o caso.

Na publicação, o parlamentar Fábio José Polisinani (PSD) foi comparado ao personagem homossexual “Crô” da novela “Fina Estampa” da Rede Globo.

 
Vereador denunciou caso de homofobia após apresentar projeto em Garça (Foto: Jornal Comarca de Garça/Arquivo Pessoal )

Vereador denunciou caso de homofobia após apresentar projeto em Garça (Foto: Jornal Comarca de Garça/Arquivo Pessoal )

O vereador, que assumiu o primeiro mandato em 2017, registrou um boletim de ocorrência na terça-feira (16) como injúria. Na postagem consta um texto com ofensas que, de acordo com a polícia, fazia menção a uma fala do parlamentar durante uma sessão da Câmara realizada no dia 8 de maio.

“Eu imaginava que em pleno 2017 não houvesse isso. Eu sou homossexual assumido, não escondo nada de ninguém. Espero que a justiça seja feita, que seja esclarecido. Ali em momento algum eu ofendi alguém e a intenção foi denegrir a minha imagem. Eles acham que a internet é terra de ninguém, mas não é”, disse o parlamentar em entrevista ao G1.

 "Patética a revolta do Crô na última reunião com seus nobres colegas. A mexeriqueira ficou enojada com a negativa de seus colegas ao seu projeto escalafobético e bizonho. Populismo corre solto. Ai credo, que ódio Crô!", diz a publicação no Facebook.

Fábio também contou ao G1 que ele havia apresentado um projeto para desativação dos túmulos abandonados do cemitério de Garça e que não foi bem visto na Câmara.

"Quando apresentei, alguns vereadores se levantaram e eu falei que estava enojado com a situação. Acho que eles sentiram que eu estava falando deles, mas era da situação. A gente quer fazer pela população, não para ser massacrado e discriminado. Eu não aceito”, afirma o vereador.

- Por Renata Marconi, Do G1 Bauru e Marília - 

 

- Comente, Compartilhe e Interaja em sua rede social.

Veja Também: Artigos Relacionados