Viva Marilia | Viva Marília é a simplicidade através de conteúdos que façam a diferença na vida daqueles que dedicam seu precioso tempo para nos ler.

‘Vídeos chocantes’, diz delegado sobre material apreendido em operação de combate à pornografia infantil

Data: / 1330 views
‘Vídeos chocantes’, diz delegado sobre material apreendido em operação de combate à pornografia infantil

Imagens foram encontradas na casa de suspeito preso em Dois Córregos, que já havia cumprido pena pelo crime em 2015. Segunda fase da Operação Luz na Infância prendeu 251 pessoas em todo o país.

Suspeito de 28 anos foi preso em flagrante por armazenar e compartilhar vídeos com pornografia infantil (Foto: TV TEM / Reprodução)

Um dos presos na segunda fase da Operação Luz na Infância, deflagrada nesta quinta-feira (17) em 24 estados e também Distrito Federal, já cumpriu pena por armazenar conteúdo de pornografia infantil e, novamente, teve equipamentos com esse tipo material apreendido durante a ação em Dois Córregos (SP).

Desta vez, a Polícia Civil cumpriu mandado de busca e apreensão na casa do suspeito, na Vila São Pedro. Bruno Rafael Rosa, de 28 anos, foi preso por armazenar e compartilhar material com pornografia infantil.

 
Operação contra a pornografia infantil prende suspeitos no Centro-Oeste PaulistaOperação contra a pornografia infantil prende suspeitos no Centro-Oeste Paulista

Até às 18h, 251 pessoas tinham sido presas na operação em todo o país.

 

“Nós conseguimos o acesso ao computador dele e encontramos um número grande de vídeos de sexo envolvendo crianças, na faixa etária de 3 a 7 anos, são vídeos realmente chocantes que encontramos ali", afirma o delegado Márcio Moretto.

 

Como o suspeito também compartilhava esse material, ele foi preso em flagrante.

"Foi constatado também que esses vídeos eram compartilhados. O computador estava ligado no momento da diligência com o programa de compartilhamento ativo, por isso foi dada a voz de prisão”, completa o delegado.

 
Delegado afirma que material pornográfico era compartilhado pelo suspeito de Dois Córregos (Foto: TV TEM/Reprodução )Delegado afirma que material pornográfico era compartilhado pelo suspeito de Dois Córregos (Foto: TV TEM/Reprodução
 

Em 2015, Bruno já tinha sido preso por armazenar pornografia infantil em computador. Na época a Justiça o condenou a um ano e três meses de prisão.

O material será encaminhado para perícia do Instituto de Criminalística. Bruno Rafael Rosa deve ser encaminhado à cadeia de Barra Bonita e nesta sexta-feira (18) será levado à audiência de custódia.

 
Em Bauru, computadores e notebooks também foram apreendidos e duas pessoas foram detidas em flagrante (Foto: Carolina Abelin / TV TEM )Em Bauru, computadores e notebooks também foram apreendidos e duas pessoas foram detidas em flagrante (Foto: Carolina Abelin / TV TEM)

 

Na região

Operação contra pornografia infantil cumpre mandados no Centro-Oeste PaulistaOperação contra pornografia infantil cumpre mandados no Centro-Oeste Paulista

 

Além do suspeito em Dois Córregos, outros sete homens foram presos na região Centro-Oeste Paulista. Dois mandados de busca e apreensão foram cumpridos em Bauru.

Um homem de 33 anos, funcionário público de uma universidade foi detido por armazenar material de pornografia com crianças e adolescentes.

Com ele a polícia apreendeu um notebook, mas como não havia indícios de que o homem também compartilhava o material, foi estipulada fiança de dois salários mínimos. O suspeito pagou e foi liberado.

Já com outro homem de 44 anos, aposentado, morador do bairro Pousada da Esperança foram apreendidos dois computadores, dois notebooks, uma máquina fotográfica, um celular e um caderno de anotações.

Ele compartilhava vídeos com outras pessoas no momento da abordagem policial e foi preso em flagrante. O homem foi encaminhado para a cadeia de Avaí.

Em Marília, a polícia cumpriu mandados de busca e apreensão em dois endereços. Foram apreendidos CDs, celulares, pen drives, HDs externos, computadores, munição de grosso calibre e também sapatinhos de bebê.

No Jardim Nazareth, na zona norte da cidade, um homem de 33 anos foi preso em flagrante em casa quando baixava conteúdo de pornografia infantil da internet. Segundo a polícia, ele é casado, formado em análises de sistema e trabalha em uma madeireira.

 
Materiais apreendidos em Marília (SP) durante a operação de combate à pedofilia  (Foto: Juliana Pineda/TV TEM)Materiais apreendidos em Marília (SP) durante a operação de combate à pedofilia (Foto: Juliana Pineda/TV TEM)
 

Em Ourinhos, foi preso um homem de 47 anos. Com ele, os policiais apreenderam pen drive, celulares e HDs externos contendo vídeos e imagens de pornografia com crianças e adolescentes. Material que também era compartilhado com outros pedófilos.

Dois homens foram presos em flagrante pela operação em Botucatu. Um deles, de 68 anos, é morador do bairro Vila Maria. Como ele só armazenava os vídeos com conteúdo de pornografia infantil, foi estipulada fiança de R$ 10 mil, que foi paga pelo filho do suspeito e ele foi liberado.

 
Computadores, celulares e tablets foram apreendidos em Ourinhos  (Foto: Weverson Marquezani / TV TEM )Computadores, celulares e tablets foram apreendidos em Ourinhos (Foto: Weverson Marquezani / TV TEM)
 

Com ele, foram apreendidos um computador, um celular, três pen drives, uma sacola com DVDs pornográficos e dois cadernos com anotações de sites.

Já com o outro suspeito, de 38 anos, foram apreendidos dois HDs, um videogame, um notebook, um celular, uma câmera fotográfica, além de CDs e DVDs. O material vai ser analisado para verificar se ele fazia compartilhamento do conteúdo com pornografia infantil. Ele também foi liberado mediante pagamento de fiança, de R$ 1 mil.

Em Lençóis Paulista, um homem de 55 anos foi detido. No local, um computador com conteúdos de pornografia infantil foi apreendido. No equipamento foram encontrados 156 arquivos de vídeo com material pornográfico envolvendo crianças.

Inicialmente a polícia foi até o endereço que constava nas investigações, mas nada foi encontrado na casa. Os moradores informaram que chegaram a dividir o sistema de wi-fi com um vizinho que se mudou do bairro. Com essas informações, os policiais foram até o endereço do suspeito de 55 anos.

Dois homens foram presos em flagrante pela operação em Botucatu. Um deles, de 68 anos, é morador do bairro Vila Maria. Como ele só armazenava os vídeos com conteúdo de pornografia infantil, foi estipulada fiança de R$ 10 mil, que foi paga pelo filho do suspeito e ele foi liberado.

Além dos vídeos salvos no computador do suspeito, também foi localizado um programa instalado para compartilhamento de vídeos, que permite baixar conteúdos e disponibilizar para outras pessoas. O suspeito foi preso em flagrante e encaminhado para cadeia de Barra Bonita. Ele passará por audiência de custódia na manhã desta sexta-feira (18).

 
Com um dos suspeitos, em Botucatu, foram apreendidos cadernos com endereços de sites com pornografia  (Foto: Murilo Barbosa / TV TEM )Com um dos suspeitos, em Botucatu, foram apreendidos cadernos com endereços de sites com pornografia (Foto: Murilo Barbosa / TV TEM )

 

Perfil dos suspeitos

 

Todos os presos são homens, com idades e profissões variadas. Chama a atenção da polícia é que são todas pessoas com certo grau de instrução e com boa condição financeira.

“Os autores tem situação financeira boa e certa educação intelectual, ou seja, sabiam o que estavam fazendo, tinham condições de discernir que estavam errados. São na maioria pessoas do sexo masculino e pessoas de várias profissões, até na área de educação”, destaca o diretor do Deinter-4, Marcos Mourão.

O crime de armazenar material de pornografia infantil é afiançável e tem pena de até 4 anos. Já o crime de compartilhar é inafiançável e tem pena de até seis anos de prisão.

 

A operação

Polícia Civil faz operação contra exploração sexual de crianças e adolescentesPolícia Civil faz operação contra exploração sexual de crianças e adolescentes

- G1 Bauru e Marília - Atualizado

 

- Comente, Compartilhe e Interaja em sua rede social.

Veja Também: Artigos Relacionados